Rui Roboredo Madeira aposta em Vinhos Vale do Douro

Marques de Almeida - Branco e Tinto
CARM apresenta o seu primeiro vinho da Beira Interior – o Marquês d’Almeida
11 de Outubro de 2013
Quinta de Lemos
Vinho da Quinta de Lemos entre os 5 melhores do mundo
11 de Outubro de 2013

Rui Roboredo Madeira aposta em Vinhos Vale do Douro

Beyra Branco 2012

Rui Roboredo Madeira aposta em Vinhos Vale do Douro

Os vinhos de altitude são o factor diferenciador do enólogo, agora unidos pela sua assinatura

 

O Enólogo Rui Roboredo Madeira apresenta o seu novo projeto: Rui Roboredo Madeira, Vinhos do Vale do Douro, um projeto que reúne as várias marcas de vinho que até aqui eram geridas pela sua empresa VDS (Vinhos do Douro Superior) – Castello d’Alba, Atalaya, Quinta da Pedra Escrita, Quinta da Cassa, Quinta de Fafide, Quinta do Côa, Foral de Melgaço – e o seu mais recente investimento na Beira Interior, o vinho Beyra. Todas as marcas passam agora a estar unidas pela assinatura do enólogo com um percurso reconhecido e premiado, nacional e internacionalmente. Mais do que o nome de cada vinho, é a assinatura Rui Roboredo Madeira que serve de garantia aos amantes do vinho que consomem os seus vinhos e se identificam com os valores do enólogo.

 

Para o enólogo, esta nova marca, é uma união natural dos seus projectos, pautados pelo cunho que dá aos vinhos e que os torna tão diferenciadores. Os seus vinhos brancos são a sua imagem de marca e são o reflexo de ter sido um dos primeiros enólogos, a norte do país, a acreditar em vinhos brancos. A altitude do Vale do Douro permite-lhe criar um estilo de vinhos brancos muito próprios, com estrutura, onde a madeira é agora mais subtil, conferindo elegância sem ser demasiado marcada.

 

A aposta na região Vale do Douro, onde hoje, foca o seu trabalho é também um facto diferenciador. Rui Roboredo Madeira acredita que “o Vale do Douro reúne os solos únicos do prestigiado Douro com a altitude da Beira Interior, esta conjugação permite criar vinhos muito especiais. Prova disto é a distinção da Decanter, nos World Wine Awards, ao premiar o Beyra  como o melhor vinho branco do norte de Portugal em 2013”.

 

Ao longo da sua vida profissional, o Enólogo Rui Roboredo Madeira foi premiado e distinguido nos mais variados concursos nacionais e internacionais. De entre os inúmeros prémios e distinções destacamos: Top 10 Star Award, Vinexpo 2003; Best White Wine, Concours Mondial de Bruxelles 2009; Top 10 Wine Spectator 2010, Category Champion “White Blends”; Regional Trophy Best White Northern Potugal, Decanter Wine Awards 2013 e Regional Trophy Best Red Wine Douro, Decanter World Wine Awards 2013.

 

 

Sobre o Enólogo Rui Roboredo Madeira

Rui Roboredo Madeira licencia-se em Enologia pela Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro e é considerado Provador Profissional de azeites pela O.N.A.O.O. (Associação Nacional de Provadores de Azeite Italiana). Inicia o seu percurso profissional na enologia na quinta de família, onde desenvolve o primeiro vinho CARM (Casa Agrícola Roboredo Madeira). Fez a sua primeira vindima precisamente na adega onde hoje tem o projectoBeyra. Paralelamente cria a empresa VDS (Vinhos do Douro Superior) onde também produzia alguns vinhos da CARM. Nos últimos anos dedica-se exclusivamente a esta empresa. Em 1987 adquire a adega da Vermiosa onde apresenta o projecto Beyra, onde define o posicionamento “Vinhos de altitude.Mais recentemente, em Julho de 2013, reúne todos os seus vinhos na assinatura “Vinhos Rui Roboredo Madeira”, criando assim uma nova marca umbrela do seu trabalho enquanto enólogo.

 

A Empresa “Rui Roboredo Madeira, vinhos do Vale do Douro” nasce assim da vasta experiência que o Enólogo tem nesta área. Não só pelos conhecimentos que foi adquirindo ao longo dos anos nas suas várias viagens e práticas profissionais, como pela proximidade a este sector. Atualmente, a empresa emprega 14 pessoas e produz um milhão e cem garrafas. Rui Roboredo Madeira é um dos 10 principais engarrafadores de vinho D.O.C. do Douro.

Os comentários estão fechados.